filme

IBoy - A nova produção da Netflix

fevereiro 03, 2017


Hey you! Tudo bom?

Hoje vou falar de uma produção recente da Netflix: IBoy. Desde que vi o trailer desse filme, eu fiquei ansiosa para assisti-lo. Estreou no dia 27 de janeiro e foi produzido pela Netflix, dirigido por Adam Randall. Bill Milner e Maise Williams protagonizam a trama como Tom e Lucy, respectivamente.

Tom é um garoto introvertido que tem uma queda não tão secreta assim por Lucy. Um dia, quando ele vai visitá-la, encontra bandidos no apartamento e foge antes que eles atirem e o matem, porém, ele é baleado na cabeça enquanto tentava fazer uma ligação. Surpreendentemente, ele sobrevive. Não só isso, mas algumas coisas estranhas começam a acontecer com ele. De início, ele não entende muito bem, mas depois entende que agora consegue controlar a tecnologia através de sua mente.


Muitas coisas mudaram após o encontro com os bandidos, não só para Tom que ganhou poderes, mas também para Lucy, que sofreu um trauma. Tom decide ajudar sua amiga a superar o ocorrido tentando encontrar os responsáveis. Com seus novos poderes, ele parte em busca de justiça, tornando-se um vigilante da cidade. Começa a usar a tecnologia para melhorar o lugar que vive, mas com isso, arranja alguns inimigos e o jogo começa a se tornar perigoso.


Bom, a Netflix quase nunca decepciona, não é verdade? IBoy dá um show em todos os quesitos. A atuação de todo o elenco é maravilhosa, com destaque para os protagonistas. Eu já conhecia o potencial de Maise Williams, mas Bill Milner me surpreendeu por seu talento. O olhar dele enquanto utilizava seus poderes, eu achei sensacional. O protagonista evolui bastante durante a trama, tanto em personalidade quanto em relação aos seus poderes. Quase nada previsível, pelo menos, a meu ver.


O filme traz uma reflexão sobre o poder da tecnologia e também sobre a violência sexual, que pode vir daqueles que você menos espera. IBoy mostra ação, efeitos especiais, traição, críticas sutis e um novo herói meio estilo arqueiro verde. A única dúvida que fiquei no filme foi como ele criou tão rápido um “nome de herói” para ele? Foi bem do nada… Mas enfim!


Algo que eu realmente gostei nesse filme foi a força que deram a mulher. Lucy não espera ser salva, ela tem personalidade e atitude. Não tem medo de falar o que pensa e de agir, ela segue sempre em frente mesmo com todos os problemas. A avó de Tom também é demais! Ela escreve romances eróticos, fala o que pensa e não abaixa a cabeça pra ninguém. Maravilhosa!


Filme super indicado! Corre lá na Netflix para assistir, está esperando o quê? Haha

See ya! <3

Que a força esteja a seu favor! Não se esqueça de clicar em SEGUIR na coluna da direita do blog em "SEGUIDORES" e também de nos acompanhar nas nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | Twitter | Youtube
Obrigada por tudo! Volte sempre! #desaparatei

0 comentários

ASSISTA AOS VÍDEOS DO NOSSO CANAL E SE INSCREVA!