resenha

[Resenha] Sábado à noite, de Babi Dewet

abril 27, 2016

Nome: Sábado à Noite | Autora: Babi Dewet | Gênero: Romance | Editora: Generale | Ano: 2012 | Páginas: 324 
Sinopse: Amanda é popular na escola e os amigos do seu amigo de infância são considerados os ‘marotos’ do pedaço por desrespeitarem as regras. Tudo ao seu redor acaba desmoronando quando um amor mal resolvido volta à tona e a sua amizade é posta em prova. Se não bastasse, seu diretor resolve dar bailes aos sábados e uma misteriosa banda mascarada foi convocada pra tocar. Mas suas letras dizem tanto sobre ela… Afinal, quem são esses mascarados de Sábado à Noite?
Trecho Preferido: "Fingiam que não se suportavam na frente de todos no colégio, mas, assim que podiam, namoravam em segredo. Na teoria, era até divertido, dava mais emoção e, a cada encontro, eles estavam se desejando mais, tanto um quanto o outro."


O livro conta a complicada história de amor entre Amanda e Daniel. Ela faz parte do grupo das populares do colégio, e ele faz parte dos “Marotos”, os garotos que aprontam todas no colégio de Alta Granada. O romance entre os dois é fortalecido depois de um trabalho de artes, o problema é que uma das amigas de Amanda, Guiga, também é apaixonada por Daniel. É ai que Amanda se encontra em uma situação nada fácil, ser fiel a amiga ou se entregar a uma paixão? E tudo se torna ainda mais cativante depois dos bailes de sábado à noite que contam com a presença da misteriosa banda Scotty.

A história ainda é recheada com muitos personagens, no início foi até difícil lembrar de todos, mas logo me acostumei. E sim, você vai amar alguns e passar muita raiva com outros. A Babi conseguiu escrevê-los de forma bem realista, adolescentes inseguros, orgulhosos, apaixonados e engraçados. As panelinhas da época de escola e a turma se reunindo a todo o momento são bem comuns na narrativa. Também foi muito bom o foco que a autora deu pra questão da amizade que foi bem trabalhada com toda a ideia de lealdade e confiança.

SAN ainda é recheado de referências à cultura pop e claro, muita música. O livro era inicialmente uma fanfic da banda britânica McFLY, então ao longo do romance diversas letras de músicas da banda são encontradas e a autora soube encaixá-las nos momentos mais adequados e propícios da história. O vocabulário é bem coloquial, a narrativa não é nada complexa e conta com muitos diálogos, então pode ser que fique um pouco arrastado em alguns momentos, mas nada que vá prejudicar o envolvimento do leitor.

"A vida era curta e as noites eram longas. Momentos como esse seriam lembrados para sempre."

Então pra quem procura um romance tipicamente adolescente com reviravoltas, um final que te deixa com o coração na mão, e muita música não pode deixar de ler Sábado à Noite. O livro é parte de uma trilogia que conta com Sábado à noite 2: Dos bailes para a fama e Sábado à noite 3: Com amor e música.


Que a força esteja a seu favor! Não se esqueça de clicar em SEGUIR aqui do lado e também de nos acompanhar nas nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | Twitter | Youtube
Obrigada por tudo! Volte sempre! #desaparatei

0 comentários

ASSISTA AOS VÍDEOS DO NOSSO CANAL E SE INSCREVA!