especiais

Evento Literário: Mundos Distópicos

novembro 26, 2016

Fala galera!


Vida corrida né? Mas sempre terei um tempinho para o DNA e para vocês. Inclusive, venho fazer um convite para todos: não marquem nada para amanhã e venham participar do evento online do blog Cultura BR.


O evento chama-se Mundos Distópicos e adivinha só? Vamos falar sobre livros do gênero Distopia, com o detalhe de que são todas obras de escritores brasileiros. Para os amantes do gênero é uma boa comparecer ao evento, que será no facebook - totalmente online, e saber um pouco mais da literatura do seu país. Vamos valorizar nossos talentos! Até porque distopia, em minha humilde opinião, é um dos gêneros mais inspiradores e reflexivos que existem.

E que tal saber um pouco sobre quem vai participar no dia 27? Serão oito autores de distopias falando sobre seus livros, um em cada horário.

E a primeira escritora, ás 14h, teremos Leila Plácido, autora de Quase o Fim.


Sinopse: Minha visão periférica não falhava e meu coração também não. Eles estavam logo ali, à minha esquerda, em pedaços e em partes inteiras. Era como estar no frigorífico de um açougue. Eu sentia enjoo misturado com empatia e tristeza por todos aqueles corpos."
Quase O Fim não é uma história com romance, mágica ou final feliz, embora, o humor sombrio daquela que nos guia pela escuridão seja surpreendentemente cativante. Em meio à morte, destruição e caos total, Zoé nos leva a conhecer a sua realidade apocalíptica imposta por um grupo terrorista de ação global autodenominado "Messias", que durante séculos se camuflaram perfeitamente entre nós, os cidadãos mais medíocres, à espera do momento perfeito para a purificação do planeta e a reestruturação da sociedade.
Acompanhamos página após página os relatos alucinantes e despretensiosos, porém, cativantes da garota que escreve na esperança de que alguém (sobrevivente ou alienígena) encontre seus blocos de anotações. Zoé nos conta como os "Messias" mudaram o mundo não com vírus modificados ou zumbis fabricados em laboratório ou com uma aliança alienígena, mas, com as velhas bombas e a manipulação da sociedade, ambas as armas já conhecidas de todos nós. Com o bom humor que não costuma preceder cenários e mortes desse gênero, ela narra numa linguagem descontraída os eventos que antecedem o seu fim e quem sabe, o fim de todos.

Logo após, ás 15h, será David Dornelles, autor de Manaós.


Sinopse: Nosso mundo já foi regido por vários governos diferentes. Da idade do ferro à atual, várias ordens mundiais caíram e outra ascendia em seu lugar. Entretanto, houve um homem que decidiu reescrever a realidade de nosso mundo e ele conseguiu. As ruas já não são como antes, agora não vemos mais os casais apaixonados na praça da saudade, nem alunos caminhando pela avenida Eduardo Ribeiro, há horários a se cumprir, um cronograma do qual não se pode fugir. O mundo está sob o domínio da octogésima oitava ordem, porém ainda nãos nos roubaram o livre arbítrio. Anjos sussurram que temos o poder de escolha, mas cada escolha será uma aposta e neste mundo movido a diesel toda aposta é letal.

Às 16h teremos a autora do livro As Coisas que Perdemos, Denise Flaibam.


Sinopse: O mundo acabou como uma tempestade. Primeiro houve o caos, e então o silêncio.
A Morte se espalhou pelas ruas de todo o mundo. Morte, porque ela tomou a humanidade para si. O silêncio do fim foi substituído por uma orquestra de sons grotescos, pelo arrastar lento e caótico de corpos moribundos; pelos sons do medo.
O que antes regia a sociedade não existe mais. Tudo foi deixado para trás.
Viva ou morra. Lute ou morra. Mate ou morra.
Dylan ouviu falar sobre um lugar seguro. Lá, ela e Max podem ter uma nova chance. O garotinho de quem ainda está cuidando, mesmo quando tudo acabou, é o seu gatilho para seguir em frente. Se não existe esperança, para que lutar?
As fronteiras artificias que marcam o fim do mundo trilham perigos e incertezas para aqueles que escolheram viver, e uma assustadora pergunta passará a comandar todos os movimentos dos que ainda resistem: até onde você irá para sobreviver?

Alan Silva, autor de Mutanthearts, comanda a partir das 17h.


Sinopse: Você não acredita em mais nada, tudo está ruim na sua vida. Tu és um(a) jovem com o potencial desperdiçado por causa de pessoas preconceituosas. A única barreira que impede você do sucesso é uma oportunidade. Então, misteriosamente algo espetacular desperta em você. Poderes fabulosos: Controlar elementos, conversar telepaticamente, velocidade explosiva e dentre outros...Em toda a sua vida, você foi uma pessoa sacaneada, e agora que você tem a oportunidade de mudar tudo. Mas, algumas pessoas querem te controlar, e como você lidará com isto? E não somente isto, a sua região ou sua nação está em uma situação catastrófica. Miséria, violência extrema e casos de bizarros de intolerância. Mutanthearts é um cenário de campanha para Monsterhearts. Ele lida com a sexualidade, poderes fabulosos e intolerância. É muito mais que sair por aí e tentar resolver as coisas do seu jeito (na verdade durante o jogo, você será empurrado para cair nesta armadilha). É lidar com a juventude e tentar tornar a sua nação algo melhor ou pior.

Ás 18h, conheceremos a autora de Habitantes do Cosmos, Francélia Pereira.

Nova Atlântida (Habitantes do Cosmos #3).

Sinopse: No século XXVI um desastre mundial dá início a uma grande transformação no planeta Terra. Os polos se derretem, vulcões se tornam ativos no mundo todo e ninguém consegue prever o que irá acontecer a partir dali.
Muitas vidas são perdidas e a tecnologia utilizada na Terra sofre avarias severas, dificultando ainda mais a sobrevivência no planeta. As vidas que foram poupadas na tragédia, agora vão se apagando aos poucos, pelo clima intenso, a fome e por doenças diversas, principalmente de origem respiratória, devido ao resultado das diversas erupções vulcânicas.
Nessa época, já existem cidades na Lua, e seus habitantes assistem à tragédia em tempo real.
Nesse clima de incertezas, a humanidade tenta seguir em frente...

Melissa Sá, autora de Metrópole, assume ás 19h.


Sinopse: Nada é real. Nenhum lugar é seguro. Abra os olhos.
Após o Grande Caos, Metrópole se ergueu sobre os escombros da civilização humana. Andrella é apenas mais uma adolescente que busca a excelência intelectual no meio dessa sociedade que preza a perfeição e o controle acima de tudo. Mesmo tendo sido criada pelo excêntrico Argorio, tudo que Andrella deseja é ser uma Metropolitana exemplar e viver do jeito que esperam que viva.
Mas quando o próprio Argorio é vítima de um crime que não acontece em Metrópole há mais de vinte anos, Andrella começa a perceber que talvez o Conselho da cidade queira seus segredos bem escondidos. Agora ela puxará os fios de uma teia que oculta uma verdade terrível não apenas sobre a cidade, mas também sobre si mesma. Afinal, o que há além das fronteiras de Metrópole? Estariam lá as respostas sobre quem Andrella realmente é?

Marcelo Costa assume ás 20h com a Saga Redenção.


Sinopse: "Em Redenção - Legionella caos, ódio e morte voltam a bater à porta da humanidade. No século XXVI, um grupo racista desenvolve uma super bactéria e caberá a Peter Brose, político jovem, influente e bem intencionado, o desafio de salvar a humanidade do risco iminente de apocalipse por conta de uma guerra biológica em escala mundial. Entretanto, sua experiência de vida não o preparou para os fatos deploráveis que se seguirão."

E fechando o evento, ás 21h, conheceremos Terra Devastada, do autor John Bogéa.


Sinopse: Ruas desertas, vidraças quebradas, carros abandonados, buracos de balas nas paredes dos prédios… Sangue, moscas e pedaços de carne humana decorando todo o ambiente… Esse é o cenário atual da maioria das cidades espalhadas pelo mundo.Cidades fantasmas, devastadas…
O silêncio é quebrado apenas pelo gemido e andar trôpego de um ou outro zumbi que perambula sem rumo por entre as ruas. Às vezes solitário, às vezes em grandes grupos. Eles caçam, matam e os que não são completamente devorados retornam como membros dessas turbas de monstros.
Quanto tempo você é capaz de sobreviver ao apocalipse zumbi?
Quanto tempo você é capaz de ficar racional?

E aí, não vão querer perder esse evento né?

Que a força esteja a seu favor! Não se esqueça de clicar em SEGUIR na coluna da direita do blog em "SEGUIDORES" e também de nos acompanhar nas nossas redes sociais:
Facebook | Instagram | Twitter | Youtube
Obrigada por tudo! Volte sempre! #desaparatei

0 comentários

ASSISTA AOS VÍDEOS DO NOSSO CANAL E SE INSCREVA!